RSS

Nota de apoio aos metroviários demitidos

03 jul

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora

Todo apoio aos metroviáriosComo se não bastasse à truculência policial aplicada aos metroviários nos dias 6 e 9 e intransigência do governo em não negociar, Geraldo Alckmin, do PSDB, mostrou mais uma vez sua cara e, nesta segunda-feira, demitiu 42 trabalhadores que exerceram seu direito de greve.

Para calar a categoria e desarticular o movimento grevista, além de se valer da repressão da PM, convocando o Batalhão de Choque na sexta e na última segunda-feira para reprimir os trabalhadores, o governo do estado enviou telegramas aos metroviários, em sua maioria jovens, informando suas demissões por justa causa.

Estas demissões políticas, assim como a ilegalidade da greve e a ameaça de descontos nas folhas de pagamento são exemplos concretos do desespero do governo tucano em finalizar a greve a qualquer custo dias antes do início da Copa do Mundo. Este é o governo da truculência policial, da superlotação dos trens, do sucateamento da saúde e educação e do mensalão tucano.

A INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora declara seu apoio irrestrito à toda a categoria dos metroviários, especialmente aos trabalhadores demitidos, e exige suas imediatas reintegrações.

Pela reintegração dos trabalhadores demitidos! Fora Geraldo Alckmin! Fora PSDB!

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 03/07/2014 em Artigo

 

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: